Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: o olhar de professores que ensinam matemática

Resumo

Este artigo é parte de uma pesquisa realizada com a participação de um grupo de professores da rede pública municipal da cidade de Uberlândia, MG e tem como objetivo compreender o contexto de formação utilizado pelo curso PNAIC, os principais recursos metodológicos e a linguagem utilizada nos Cadernos de Formação, bem como revelar as memórias da vida estudantil das professoras participantes e suas influências em suas vidas profissionais. O grupo de participantes foi constituído por cinco professoras e para a produção do material de análise, foram utilizados: questionário; registros escritos das participantes; sessões reflexivas; caderno de anotações das participantes; e, notas de campo da pesquisadora. As Sessões Reflexivas se constituíram como método de pesquisa que vai além da observação. A aproximação com os conhecimentos matemáticos, concepções e práticas pedagógicas das professoras, bem como o diálogo e o pensar junto justificam nossa escolha por esse procedimento, visto que ele amplia e possibilita a reflexão das participantes da pesquisa. As vivências compartilhadas durante as sessões reflexivas realizadas trouxeram expectativas e necessidades formativas das professoras participantes deste estudo. As informações obtidas deixam evidenciadas a importância de um trabalho de formação continuada que valorize a colaboração e o envolvimento dos profissionais em busca de novas percepções, e também a necessidade da continuidade de oferta de estudos para docentes.

Palavras-chave: Ensino de Matemática. Formação continuada de professores. Professores que ensinam Matemática, Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa.

Publicado
2020-09-18